arrow

Pagina inicial

página anterior

arrow

Varda blog

arrow

Navegando na Indústria AgTech: A Cadeia de Abastecimento Alimentar

Navegando na Indústria AgTech: A Cadeia de Abastecimento Alimentar

Muitos acreditam que a tecnologia está substituindo pessoas e eliminando empregos. No entanto, é importante reconhecer que a tecnologia trouxe vários avanços positivos, beneficiando profundamente a nossa sociedade.

author

Rafael Pereira

3 min

05.09.23

blog

Na indústria agrícola, por exemplo, tem havido um problema laboral porque as empresas não conseguem encontrar trabalhadores suficientes. A indústria agrícola tem lutado frequentemente com a escassez de mão-de-obra, à medida que as empresas agrícolas lutam para encontrar trabalhadores para a colheita e processamento. Um problema que se agravou ainda mais durante a pandemia de COVID-19. A tecnologia tem sido capaz de oferecer uma resposta a estes desafios, passando a desempenhar um papel fundamental na melhoria da produção de alimentos para o mundo inteiro.

 

Automatizando a Agricultura: Robôs e Logística

Embora alguns temam que os robôs possam substituir cada vez mais funções anteriormente desempenhadas pelos humanos, o seu impacto na agricultura tem sido extremamente positivo, aumentando a produtividade e garantindo a segurança dos trabalhadores. Por exemplo, a Tortuga Agtech desenvolveu robôs capazes de identificar e colher frutas maduras. A criação da Harvest CRO colhe morangos com eficiência, remove folhas e embala as frutas. Até mesmo o delicado setor da alface testemunhou inovações como o “Vegebot” da Universidade de Cambridge, que emprega machine learning para tarefas de precisão. A E-TERRY na Alemanha foi pioneira em um sistema de transporte robótico adaptado às necessidades agrícolas. Esta inovação envolve a recolha e supervisão de dados a nível de campo, ao mesmo tempo que automatiza tarefas específicas, como a gestão de ervas daninhas e pragas. Estes casos sublinham a influência transformadora da robótica na agricultura.

Revolucionando a Distribuição

A influência da tecnologia estende-se à distribuição eficiente de alimentos entre estados e nações. As inovações são abundantes, desde inventários virtuais a sensores, recursos visuais e robótica na monitorização de armazéns, com o objetivo de melhorar os problemas da cadeia de abastecimento alimentar. Os veículos autonomos que não necessitam de motoristas para as entregas têm o potencial de aumentar a eficiência, diminuir os prazos de entrega e reduzir as emissões relacionadas com o transporte. Por exemplo, “robôs operados pela Starship Technologies completaram mais de dois milhões de entregas e estão entregando jantares em quatro dúzias de campi universitários e nas calçadas de comunidades como Modesto, Califórnia”(1). Embora persistam desafios como o controlo da temperatura, a contaminação e a fiabilidade dos veículos, esta abordagem inovadora sublinha a fusão da tecnologia com a indústria agrícola.

 

Comportamento do Consumidor na Era Digital

Considere seus hábitos semanais: com que frequência você faz pedidos no seu restaurante favorito? Com que frequência você visita supermercados? Alternativamente, você opta por fazer compras on-line, uma tendência adotada por muitos que preferem conveniência a corredores superlotados e sacolas pesadas? Estas questões destacam a evolução da relação entre consumidor e alimentos moldada pela tecnologia. No entanto, uma perspectiva alternativa revela potenciais desvantagens, tais como dietas pouco saudáveis resultantes do aumento da dependência de serviços de entrega. Além disso, a proliferação de opções de entrega poderia prejudicar as empresas que não dispõem de meios para competir, potencialmente expulsando-as da indústria.

 

Varda: o significado da transparência

Na Varda, focamos na interoperabilidade e transparência na cadeia de abastecimento de alimentos e bebidas. Na era da globalização, existe um potencial para rastrear de forma abrangente os dados dos produtos, dependendo de ferramentas agrícolas digitais integradas e sistemas de recolha de dados. A crescente procura por opções sustentáveis enfatiza a necessidade de uma "linguagem" partilhada que permita rastrear e compartilhar dados de forma eficaz, uma tal rede de informação pode beneficiar toda a cadeia de abastecimento alimentar, desde os fabricantes de factores de produção agrícolas, aos distribuidores agrícolas e aos agricultores, até aos supermercados, às empresas alimentares e aos consumidores. .

Em conclusão, a marca da tecnologia na indústria alimentar é multifacetada, abrangendo desde a inovação robótica, a alteração do comportamento do consumidor, até ao aumento da transparência. Navegar nesta intersecção entre a tecnologia e o mundo agrícola exige uma abordagem equilibrada, aproveitando o seu potencial para um bem maior. É aqui que o Global FieldID tem um efeito catalisador. Abordando a fragmentação de dados na agricultura, o nosso produto aborda a falta de padrões comuns para a indexação de dados gerados na agricultura. Isto aborda não apenas a transparência, mas também a rastreabilidade. Através da plataforma Global FieldID, os campos individuais recebem códigos alfanuméricos exclusivos, permitindo a identificação precisa de parcelas agrícolas, globalmente. Este serviço beneficia as partes interessadas da indústria agrícola e alimentar. Desde a consolidação de diversas fontes de dados até o aprimoramento das interações e o reforço da rastreabilidade, o Global FieldID está na vanguarda na condução da transformação da tecnologia agrícola para um sistema alimentar mais equitativo e positivo para a natureza.

trianglettt
trianglettt
trianglettt

Vamos colaborar!

Entre em contato conosco

arrow

Global FieldID

SoilHive

 

Respeitamos a sua privacidade, para mais informações consulte a nossa Política de Privacidade